terça-feira, 13 de janeiro de 2009

Nossa irmã, a mosca
É feia e tosca
Enquanto que o mosquito
É mais bonito
É mais bonito
.
Nosso irmão, besouro
Que é feito de couro
Mal sabe voar
Mal sabe voar
.
Nossa irmã, a barata
Bichinha mais chata
É prima da borboleta
Que é uma careta
Que é uma careta
.
Nosso irmão, o grilo
Que vive dando estrilo
Só pra chatear
Só pra chatear
.
E o bicho-do-pé
Que gostoso que ele é
Quando dá coceira
Coça que não é brincadeira
.
E o nosso irmão carrapato
Que é um outro bicho chato
E primo-irmão do bacilo
Que é irmão tranqüilo
Que é irmão tranqüilo
.
E o homem que pensa tudo saber
Não sabe o jantar que os bichinhos vão ter
Quando o seu dia chegar
Quando o seu dia chegar
.
.

4 comentários:

sementes diárias disse...

Muito legal,Renata!Um beijo e tudo dce bom,chica

ANORKINDA disse...

Que lindo blog!
Obrigada por criá-lo...assim me alimento!

posso colocar seu link no meu blog?
Abraço!

anareis disse...

Estou fazendo uma campanha de doações para criar uma minibiblioteca comunitaria na minha comunidade carente aqui no Rio de Janeiro,preciso da ajuda de todos.Doações no Banco do Brasil agencia 3082-1 conta 9.799-3 Que DEUS abençõe todos nos.Meu e-mail asilvareis10@gmail.com

doty disse...

Mas que versos lindos , mexeu comigo principalmente a parte que fala dos livros pois é exatamente o que faço. parabens